facebook1  insta 1

Sobre o Simge

O SIMGE faz, diariamente, e durante todo o ano, a vigilância e a previsão do tempo e do comportamento hídrico, com detalhamento na escala regional, fornecendo produtos personalizados às atividades de preservação ambiental, sócio-econômicas e de defesa da população, com ênfase nos fenômenos adversos como enchentes, estiagens e temporais severos.

Sistema de Aquisição de Informações

O SIMGE utiliza dados telemétricos de várias fontes: de sua própria rede, da ANA, da CEMIG da COPASA, do INMET e de dados e informações geradas pelo CPTEC/INPE, além de produtos de satélite da National Oceanic Atmospheric Administration (NOAA/EUA). São utilizados vários tipos de telemetria para transmissão dos dados: satélite, telefonia e Internet.

Rede Telemétrica do SIMGE / IGAM

A rede de monitoramento do tempo e clima atual é composta por 22 Plataformas de Coletas de Dados (PCDs) meteorológicas automáticas e telemétricas. Essa rede recebe transmissão de dados por meio dos satélites brasileiros SCD1 e SCD2, além de uma rede hidrológica no rio Sapucaí – município de Itajubá –, conectada também, por telefonia.

A PCD de Araxá, pertence à empresa Bunge Ferti, que gentilmente colocou os dados a disposição da comunidade.

Proclima

O Proclima é um programa do CPTEC/INPE que tem por objetivo efetuar o monitoramento da disponibilidade hídrica na região do Semi-árido Brasileiro. Para isso, promove a aquisição diária de dados de chuva de postos pluviométricos convencionais, por meio de ligação telefônica.

A COPASA e o SIMGE/IGAM contribuem com esse Programa. A COPASA efetua a medição de chuva em 64 postos de sua rede pluviométrica e o SIMGE efetua a aquisição, através de telefonia, e a difusão dos dados.

Planeja-se incluir paulatinamente, novos postos neste esquema de aquisição e difusão de dados, já tendo incorporado alguns voluntários.